Não se trata de ressuscitar passados mas apurar nossa capacidade de escutar as coisas ...

Regina Guimarães


25 de fev de 2012


Um grupo de artistas têxteis coordenado por Zilamar Takeda reuniu esforços para trazer a público uma exposição cujo propósito, além de mostrar os trabalhos de cada participante, é conquistar espaço para a Arte Têxtil Brasileira.

As expositoras trabalham com o têxtil como suporte em obras de arte e obras artesanais, entendendo por arte têxtil tudo que alude e se comporta como fibra, tela, fios, membrana ou película, seja orgânico ou sintético.

A exposição conta especialmente, com a participação do ATELIER PALHA BRASIL cuja artesã Cleide Toledo se dedica ao trançado da fibra desde 1968, e o PROJETO RENDA SOL, desenvolvido pelo grupo NHANDUTI DE ATIBAIA que vem trabalhando no resgate e promoção da renda artesanal tenerife ou renda sol, sua história e motivos tradicionais.

Serviço:
 “Mulheres de Fibra” abre suas portas no dia 03/03 próximo, às 17hs, no Centro de Convenções V. Brecheret e permanecerá aberto à visitação de 6 a 24 de março de 2012, de  terça-feira à sábado entre as 10h às 17h. O Centro de Convenções Victor Brecheret, fica na Al. Lucas Nogueira Garcez, 511 – Parque das Águas – Atibaia – SP.