29 de abr de 2013

Projeto de RENATO IMBROISI com a técnica da renda nhanduti ou tenerife.



Um evento em Bento Gonçalves em agosto trará acessórios para casa trabalhados na técnica da tecelagem da renda tenerife ou nhanduti. 

Um projeto envolvendo diversos segmentos levou para o município o designer Renato Imbroisi e as arquitetas Ana Luiza Lo Pumo e Tina Azevedo Moura que orientaram e desafiaram um grupo de artesãs da região para a elaboração do artesanato que será exposto na Casa Brasil, exposição de produtos contemporâneos de alto padrão para arquitetura e decoração que acontecerá no início do segundo semestre.

Ao grupo agregou-se Iara Ana Carine Medeiros, professora aposentada que aprendeu a técnica da renda nhanduti com a avó que, por sua vez, aprendeu com primas que residiam em Caxias do Sul. Iara teria retomado a técnica quando se aposentou como atividade terapêutica e ocupacional, e diz que conhece a origem da técnica apenas de pesquisas na internet. 


Afirmando que esse conhecimento não pode ser perdido, que precisa ser valorizado, ela lamenta ainda não ter conseguido ensinar a técnica para ninguém, já que só tem filhos homens. Diz ainda ser uma arte manual demorada e trabalhosa: que cada módulo demanda em média uma hora para ser feito e que eles são unidos depois uns aos outros para formar a peça.


 Visite o site do tecelão e designer de artesanato RENATO IMBROISI clicando AQUI.

*

Veja mais sobre a Casa Brasil, que acontecerá entre 13 e 16 de agosto, no Parque de Eventos de Bento Gonçalves no site http://www.emater.tche.br/site/noticias/noticia.php?id=16390.

Nenhum comentário: