21 de jul de 2019

Uma conexão entre Croatia e Brasil

Marina Motivi-Sikirevci

Nhanduti de Atibaia, S.Paulo

A Renda Sol é um ponto de conexão entre a Croácia e Brasil. A partir das Ilhas Canárias, o almoxarifado dos Grandes Descobrimentos, essa técnica de fazer renda atingiu leste e oeste do globo terrestre, adquirindo características próprias em cada região em que se aculturou.

Tradicional na zona rural de Brodsko Posavlje, Eslavonia, onde era muito popular nos anos 1920 e 1930, os módulos da Renda Sol são bordados sobre uma trama radial montada sobre um bastidor de madeira que se assemelham ao desenho dos raios solares, de onde tomou essa denominação.

A Renda Sol de Sikirevci usa predominantemente fios brancos, mas também pode ser ser colorida. Os módulos de renda são parte da tradição local e são usados para decorar trajes nacionais de mulheres e de homens, acessórios de cama e mesa e outras peças típicos da região.

No Brasil a Renda tem o nome de Nhanduti ou Renda Tenerife e foi praticada até os anos 1960-70 principalmente na região sudeste, São Paulo e arredores. Tecida na cor branca e bege, também tinha na utilização de fios de seda muito coloridos uma peculiariedade, distinguindo-se das outras Renda Sol da família que se encontram espalhadas pelo mundo.


Nenhum comentário:

Copyright © Renda Tenerife ou Renda Sol.Todos os direitos reservados - All Rights Reserved.
Nhanduti de Atibaia